may the force be with you

Você pode até não ser fã de cinema (what’s wrong with you?), você pode até não gostar de Star Wars, mas tenho certeza que já ouviu falar a célebre frase “May the force be with you” ou pelo menos a sua versão em português “Que a Força esteja com Você”, se você não ouviu, sinto dizer mas você foi abduzido e não é deste planeta. Brincadeiras à parte, o que isto tem a ver com inglês?

Tem a ver que hoje, 4 de maio (May the fourth) é considerado Star Wars day, justamente devido a um trocadilho da data com a frase-tema do filme. Veja:

 

May the fourth be with you = May the force be with you

 

Claro que o pun (trocadilho em inglês) só funciona em inglês pois ele aproveita a similaridade sonora entre as palavras “force” e “fourth”. Observe, no entanto, que as palavras são diferentes. Clique nos links abaixo e ouça a pronúncia:

Fourth /fɔːθ/

Force /fɔːs/

Enquanto o som final de 4th – fourth é o “th” (aquele que pronunciamos encostando a língua no dente superior frontal) o som final de force é o “s” (que pronunciamos com a língua em repouso).

 

Mas o que é exatamente um “pun”?

 

“Puns” são trocadilhos, ou seja, são brincadeiras com as palavras criando um duplo sentido ou simplesmente tornando o texto engraçado. As palavras podem ser combinadas por terem sons parecidos ou por terem significados parecidos e não existe uma lista exata de puns, eles são criados espontaneamente.

Um exemplo:

Customer: “I’d like a Caesar salad

Waiter: “Sir! Are you sure you want the Scissor salad? You’ll cut your mouth!”

Neste caso, foi feito um pun com as palavras Caesar e Scissor. Ceasar salad é uma salada a base de alface e queijo muito comum na maioria dos restaurantes e scissor é tesoura, mas a pronúncia entre as duas palavras é bem parecida. Ouça aqui:

Caesar /ˈsiːzə/

Scissor /ˈsɪzə/

 

Puns geralmente só fazem sentido na sua língua original, pois além da sonoridade, muitas vezes a frase faz alusão a hábitos comuns aos falantes daquele idioma.

Em alguns casos, é inévitavel criar um pun mesmo que não seja intencional criá-lo, por esta razão é muito comum ouvir ou ler no pun intended quando o autor da frase não quis criar ambiguidade.

 

Seguem alguns exemplos de puns:

  • A boiled egg every morning is hard to beat.
  • Let’s talk about rights and lefts. You’re right, so I left.
  • I went to buy some camouflage trousers yesterday but couldn’t find any.
  • I’ve been to the dentist many times so I know the drill.
  • Being struck by lightning is a shocking experience!
  • Without geometry, life is pointless.
  • The roundest knight at King Arthur’s table was Sir Cumference. He acquired his size from far too much pi.
  • I went to a seafood disco last week….and pulled a mussel.
  • She had a photographic memory but never developed it.
  • Two antennas met on a roof, fell in love and got married. The ceremony wasn’t much, but the reception was brilliant!

Tentem ler não apenas o sentido literal, investiguem as metáforas por trás das palavras, tentem pensar em inglês e se divirtam aprendendo. Ah, e antes que eu esqueça:

 

May the force be with you!