moneyEm tempos de crise econômica, falar em dinheiro pode ser algo difícil, pois ele complica e soluciona vários de nossos problemas do dia a dia. Entretanto, independentemente do tipo de relação temos com o dinheiro, você, estudante de inglês ou simples curioso, já pode ter se colocado diante de situações em que precisou escrever ou falar sobre dinheiro e se viu numa encruzilhada. Portanto, vamos deixar de conversa fiada e “let’s talk money”.

Money, currency, cash?

A maneira mais comum de se referir a dinheiro é “money”. Essa é a forma, mais geral, diz respeito às moedas (coins) e cédulas (bank notes) que usamos para comprar ou pagar coisas. Pode referir-se também à quantia que temos em nossa conta bancária.

Outra maneira de nos referirmos a dinheiro é a palavra “Currency”. Essa palavra é usada geralmente quando nos referimos ao dinheiro como Moeda Oficial (já vimos no parágrafo acima que moeda objeto é coin).

Por exemplo:
In 1994 Brazil changed its currency to Real (BRL).
Em 1994, o Brasil mudou sua moeda para o Real (BRL).

moedas-mundiaisQuando viajamos para outros países, temos de comprar moeda local (local currency) para arcarmos com nossas despesas. O mesmo ocorre quando temos uma dívida em moeda estrangeira (foreign currency).

Ainda, no que diz respeito a viagens, ao nos dirigirmos a uma casa de câmbio para comprarmos moeda estrangeira, teremos duas opções (prepaid currency card, que é o cartão pré pago ou em cash, que é o dinheiro em espécie).

Vamos ver o que aprendemos até agora:

Let’s talk money – expressão idiomática que significa “vamos direto ao assunto” quando o assunto envolve dinheiro/pagamento/compra/negociação.

Money dinheiro, de forma geral.

Coin – moeda (de metal)

Bank notes – cédulas

Currency – Moeda official ou unidade monetária

Local currency – moeda local (a nossa é o Real)

Foreign currency – moeda estrangeira (a dos EUA é o dólar)

Prepaid currency card – cartão de moeda estrangeira pré-pago

Cash – dinheiro ou quantia em espécie

Existem várias outras expressões para tratarmos de dinheiro e de economia, inclusive algumas derivadas dessas. Em breve, mostro outras para vocês.

Deixe sua sugestão e se gostou do post, divulgue-o em suas redes sociais.

Thanks and see you!!!!

0

Como se diz fechado para balanço em inglês?

 

Começo de ano é uma época em que costumamos “fechar para balanço” ou “take stock of our lives“. Em outras palavras, costuma-se parar para meditar a respeito do ano que passou, dos acertos, dos erros, do que pode melhor e também refletir sobre os objetivos para o novo ano e decidir novas formas de como conseguir alcançar tais metas.

Neste post, vamos explicar como dizer “fechado para balanço” em inglês. O legal é que, assim como no português, esta expressão pode ser usada tanto no sentido comercial ou no sentido figurado (um balanço mais pessoal).

Observe os exemplos:

At the end of every year, the company takes stock of their production to evaluate profits.

No começo de cada ano, a empresa faz um inventário da sua produção e avalia os lucros.

At the beginning of a new year, people take stock of their lives and decide to make changes.

No começo de um novo ano, as pessoas refletem sobre suas vidas e decidem fazer mudanças.

 Sugiro também aos meus alunos, to take stock of their English goals, ou seja, refletir a respeito dos seus objetivos com o inglês, e o que você tem feito e/ou poder fazer para atingir estes objetivos.

Outra opção parecida também é usada, principalmente no caso das empresas que precisam fazer inventários de seu acervo. Neste caso, além da opção anterior, podemos usar:

We’re closed to stock taking.

Veja mais exemplos de frases com a expressão “take stock” no Dicionário Collins. E se você gostou da nossa dica, que tal nos ajudar compartilhando nas suas mídias sociais? E se não quiser perder nenhuma de nossas dicas, que tal cadastrar seu email para receber todas as atualizações? É facinho, só se cadastrar no espaço ATUALIZAÇÕES POR EMAIL, confirmar a solicitação e pronto! E claro, é totalmente gratuito!

0

Hello students,

Sabe quando  alguém nos convida ou nos pede para fazer algo e não podemos ou porque estamos genuinamente ocupados ou porque aquela atividade não seja exatamente importante ou prioritário para nós? Em geral, dizemos que “temos mais o que fazer” e como sair dessa em inglês?

Aqui temos uma expressão que está longe de ser ao pé da letra. Dizemos  “I have other fish to fry”, que ao pé da letra significa “tenho outros peixes para fritar”. Veja exemplos:

Simone asked me to help her find a new dress,  I have other fish to fry.

Simone me pediu para ajuda-la a encontrar um vestido novo mas eu tenho mais o que fazer.

Outra variação é “I have a bigger fish to fry”:

– “Why he didn’t come to work?”
– “Well, I believe he had a bigger fish to fry.”

– “Porque ele não veio trabalhar?”

-“Bem, eu acho que ele teve algo mais importante para fazer”

1

A velocidade do mundo contemporâneo muitas vezes nos obriga a aprender certas coisas em um espaço de tempo muito curto. Daí a necessidade de se fazer um curso rápido ou intensivo, se preferir. Nos países de língua inglesa, a expressão curso rápido transforma-se em “crash course”. Ex.:

I took a crash course in computer operation.

Eu fiz um curso rápido (ou intensivo) de informática.

Novamente afirmamos que é perigoso traduzir as palavras “ao pé da letra”, pois, “crash” é mais conhecido como os verbos bater, colidir, etc. ou como os substantivos batida, colisão e/ou acidente. Portanto, cuidado, “crash course” não é “rota de colisão”!

Se você achou o post interessante, compartilhe com seus amigos!

Thanks!

See ya!

0

Hello students,

Sabe quando ficamos realmente felizes em ver algo ou alguém? Aquela sensação que só o fato de ver algo já nos faz mais felizes? Então, em português dizemos que este algo ou alguém é um “colírio/bálsamo para os olhos”, e como dizemos em inglês?

A expressão mais próxima desta idéia é “a sight for sore eyes”, que ao pé da letra significa “uma bela visão para meus olhos doloridos/cansados”. Veja exemplos:

Wow, Mrs. Barone, you’re a sight for sore eyes. And mine are pretty sore.

Uau, Sra. Barone, a senhora é um colírio para a minha vista cansada. E a minha está muito cansada.

 Natalia has worked so hard this week that the image of Friday is a sight for her sore eyes.

Natalia tem trabalhado tanto nesta semana que só a imagem da sexta-feira já é um colírio para seus olhos.

 

E para vocês, o que é tão bom e esperado que é a sight for your sore eyes?

1

Hi folks!

 Em língua portuguesa, quando alguém age ou se comporta de modo considerado inadequado, que desagrada continuamente as pessoas ou uma comunidade a sua volta, dizemos que “está passando do(s) limite(s)”. Nesse mesmo contexto, em inglês, utilizamo-nos da expressão “rock the boat”.

 

Silence, please! You’re rocking the boat!

Silêncio, por favor! Vocês estão passando dos limites.

Yesterday, the fans rocked the boat during the match.

Ontem, os torcedores passaram dos limites durante a partida.

Perceba que não podemos traduzir “rock the boat” ao pé-da-letra. Se fizéssemos isso, teríamos “apedrejar o barco”, que não quer dizer nada parecido com “passar dos limites”. Portanto, cuidado com traduções de palavra por palavra, ok?!

 

See you!!!

2

Hi there!

Vocês, alguma vez, já fizeram “uma tempestade em copo d’água”?

Essa expressão tão comum em português não se parece nada com a correspondente em inglês, ou seja, to make a mountain out of a molehill, que seria algo como fazer de um montinho de terra uma montanha.

Molehill são pequenos montinhos de terra (hills) que se formam quando a toupeira (mole) está escavando na terra e Mountain é montanha.

Portanto, em ambas as expressões, ressalta-se a ideia de exagero diante de algo simples.

Veja:   There’s no financial crisis in Brazil, the right-wing party is just making a mountain out of a molehill in order to put the people against the government.

Não há crise financeira no Brasil, os partidos de direita estão apenas fazendo tempestade num copo d´água para colocar o povo contra o governo.

 E vocês, how often do you make a mountain out a molehill??? (Com que frequencia vocês fazem tempestade num copo d’água? Que tal me contar usando o link para comentários???

 

 

2

Em português “conversa pra boi dormir” é quando alguém conta uma estória tão fantástica que é dificil de acreditar, mesmo que seja verdade.

Em inglês, dizemos cock-and-bull story”.

Exemplo:

I’m mad at him because he arrived late from work and he didn’t explain me why, he just came with that same old cock-and-bull story!

Eu estou com raiva dele porque ele chegou tarde do trabalho e não explicou o porquê, ele só veio com aquela mesma estória pra boi dormir!

Observe:

Não podemos traduzir tudo ao pé da letra, se traduzissemos cock-and-bull story, teríamos “estória de boi e galo”…não faz nenhum sentido, concorda?

3

Sabe aquele amigo que você não vê há muito tempo e quando você encontra, é quase que automatico dizer “há quanto tempo…?”, então essa expressão em inglês é totalmente diferente da frase em português:

  • Long time no see

Literalmente:

Muito tempo sem ver… ou Muito tempo sem ver você

Veja como é usado:

Hey, Adriana, long time no see, what have you been doing?

Ei Adriana, há quanto tempo, o que você tem feito?

E o cartoon ao lado, entendeu?

 

Trata-se obviamento de uma ironia, pois o cowboy magro chama o outro de SLIM  (magro em inglês) que devia ser o seu apelido no passado.

Tradução:

Há quanto tempo, Magrão. Eu acho que você não é mais tão rápido quanto antes.

Gostaram?

Espero que a gente se veja sempre por aqui, para não termos que dizer “Long time no see…”

0

Essa é uma expressão quase ao pé da letra…como eu disse: quase!

Acredite se quiser em inglês é dito “believe it … or not!”

Exemplo

A: Have you see Monique lately? (Você tem visto a Monique recentemente?)

B: No, I haven’t. Why? (Não, porquê?)

A: Well, believe it or not, she has changed completely, she’s a new woman now! (Bem, acredite se quiser, ela está totalmente mudada, é uma nova mulher agora!)

É uma expressão tão popular que existe um cadeira de museus ao redor do mundo que chama-se “Ripley’s Believe it or Not”.

O museu Ripley’s é especializado em coisas bizarras, raras, curiosidades que não achamos no dia a dia comum. Para visitar o site do museu, clique na imagem acima.

0