desafio listeningBem vindos ao nosso primeiro desafio; um desafio do bem (claro), mas é, sim, um desafio: um desafio para melhorar o seu listening em inglês! Se você ainda não leu o post informativo, clique aqui!  Se já leu e está ansioso para começar, então este texto é para você!

As atividades serão adicionadas todos os dias aqui neste post através de um link que será direcionado ao meu drive. Na pasta, você encontrará um documento em pdf e a(s) faixa(s) de áudio necessárias para a realização da atividade. Baixe estes arquivos para o seu computador e imprima se sentir necessidade. Se preferir, pode apenas usar um caderno para anotar as suas respostas. Tome cuidado para não ler as respostas. Os arquivos em pdf estão organizados da seguinte forma:
– questões
answer key (respostas)
audioscript (texto do áudio)

Primeiro de tudo, é importante passar algumas dicas práticas para vocês. Estas dicas valem para todas as atividades de listening, mesmo as que não estão no nosso desafio, ok?

1 – Ao fazer uma atividade de listening, sempre leia muito bem o enunciado e entenda o que está sendo pedido. Não adianta ouvir várias vezes se você não souber o objetivo da atividade.

2 – Além do enunciado, leia também todos os itens e veja se você realmente entendeu. Destaque as palavras chaves com um marca-texto. Assim você não precisa se preocupar em ler enquanto ouve.

3- Ao ouvir o áudio, não se preocupe em entender tudo, o seu objetivo é realizar a atividade. Se você entender o suficiente para realizar a atividade, ótimo! Se entender mais que isso, melhor ainda.

4 – Ao ouvir, observe todas as informações que o áudio apresenta. Detalhes como: background noise (ruídos de fundo), idades, profissões e as relações que os falantes tem uns com os outros podem ser essenciais para entender o contexto do dialogo, pois, ele é a chave da compreensão.

5 – Aproveite a oportunidade para aumentar o seu vocabulário. Então, mantenha um caderno apenas para anotar as palavras novas que aprender. Lembre-se de revisar vocabulário com frequência (leia as dicas neste post aqui e aqui). E caso não compreenda alguma palavra ou expressão, eu recomendo o Cambridge e Oxford.

6 – Ouça os áudios quantas vezes julgar necessário para responder as questões. Anote as respostas e só então confira se acertou usando a answer key.

7 – Para também melhorar a pronúncia, você pode usar o audioscript para treinar a pronúncia. Basta ouvir com bastante atenção, pausar e repetir as frases. Fazer isso com um paragrafo por dia, já é um bom avanço na melhora da pronúncia. Ao repetir, lembre-se de imitar a intonação das frases, repetir as palavras conforme você escuta mesmo que a escrita seja diferente e também juntar juntar os sons das palavras nas frases de acordo com o que você escuta.

8 – Tente usar um bom fone de ouvido para fazer as atividades e procure um lugar calmo, sem muito barulho externo.

9 – Poste imagens das atividades diariamente com a informação do dia nas legendas e adicione as hashtags #listeningtododia #teacherrenata. Assim, você vai se conectar com todos os outros participantes e um motiva o outro. Além disso, eu vou conseguir encontrar os posts dos participantes e passarei para comentar também.

10 – Tente participar todos os dias, porém não desanime caso “perca” algum. Continue e faça todas as atividades. O material vai continuar disponível, mesmo nas datas seguintes.

Como disse no post explicativo, as atividades foram selecionadas para estudantes do nível A2 – pre-intermediário, porém se você ainda não está neste nível, pule as partes das atividades e apenas ouça o áudio e leia o audioscript, tentando entender o máximo possível. Após ouvir algumas vezes, pause e repita algumas frases para praticar pronúncia. Não traduza os texto! O foco deste desafio é listening. Se seu nível é mais avançado, tente fazer as atividades ouvindo apenas UMA vez.

DESAFIO LISTENING TODO DIA

DAY 01 DAY 09 DAY 17 DAY 25
DAY 02 DAY 10 DAY 18 DAY 26
DAY 03 DAY 11 DAY 19 DAY 27
DAY 04 DAY 12 DAY 20 DAY 28
DAY 05 DAY 13 DAY 21 DAY 29
DAY 06 DAY 14 DAY 22 DAY 30
DAY 07 DAY 15 DAY 23 DAY 31
DAY 08 DAY 16 DAY 24

 

Espero que vocês gostem e aproveitam bastante, pois as atividades foram selecionadas com muito carinho. Sinta-se à vontade para entrar em contato por aqui ou nas redes sociais e dar sugestões, ou qualquer outro tipo de feedback; e não esqueça de divulgar o desafio para que mais pessoas possam participar. Para saber de todas as novidades do nosso site, novos posts, novos desafios, cadastre-se na nossa newsletter e receba um email sempre que postarmos algo novo!

0

Desafio Listening Todo Dia

desafio
Todos sabem da importância do listening no aprendizado do inglês, certo? O listening não apenas ajuda a entender melhor o que “eles” falam, mas também (e principalmente) ajuda a falar melhor: ao ouvir bastante você internaliza regras gramaticas sem perceber. Além disso, o listening proporciona mais segurança na pronuncia uma vez que você só consegue reproduzir um som que você ouve, certo?
Mesmo ciente de tudo isso, poucos são os estudantes de inglês que praticam inglês com frequência. Alguns por falta de disciplina, outros por não saber onde encontrar material e outros por nem saber que é possível estudar sozinho.
E foi justamente pensando nisso que, eu decidi adaptar a ideia dos desafios coletivos que a Internet ajudou a popularizar e criei o Desafio Listening Todo Dia. Eu organizei 31 atividades diferentes e vou posta-las todos dias aqui no site para ajudar aqueles que precisam de um empurrãozinho extra para praticar listening. A ideia de coletividade dos desafios ajuda a manter o foco e a vontade de “não desistir” ajuda a manter a disciplina.
 E aí, o que você acha? Está disposto a aprender mais? Vamos a alguns detalhes práticos:
INFORMAÇÕES DO DESAFIO:

1 – O Desafio começa dia 08 de outubro e vai até 07 de novembro.

2 – Serão 31 dias de atividades direcionadas a prática de Listening cobrindo temáticas e sotaques diferentes.

3 – O nível que eu escolhi para as atividades foi nível A2 – pré-intermediário (para quem não entende esta nomenclatura leia este post aqui). Porém é possível adaptar as atividades para níveis mais básicos ou mais avançados.

4 – As atividades serão adicionadas diariamente pela manhã (10h da manhã – horário de Brasilia) em um post fixo  contendo orientações mais especificas sobre as atividades.

5 – A cada dia você terá acesso a uma pasta diferente do meu drive, na qual você encontrará uma atividade em pdf juntamente com as respectivas faixas de áudio necessárias para cada atividade.

6 – O objetivo do desafio é praticar listening, porém durante a execução das atividades você também ganhará mais vocabulário e poderá praticar pronúncia fazendo a leitura dos textos.

7 – O desafio é aberto a todos que queiram participar. Não precisa ser meu aluno e é completamente GRATUITO. Eu agradeço aos que queiram me apoiar me seguindo nas minhas redes sociais (Instagram e Facebook) e assinando a newsletter do site na coluna da direita aqui do site.

8 – Os participantes poderão postar prints e fotos das atividades no instagram ou no facebook usando as hashtags #listenintgtododia #teacherrenata. Na foto, deve ficar claro qual o número da atividade (01,02,03, etc…).

9 – O objetivo é fazer atividades todos os dias, porém, caso você precise “quebrar” a sequência e pular um dia, não desanime e continue. Por exemplo, se você tiver um imprevisto e não puder fazer a atividade 03 no dia certo, faça no dia seguinte. O importante é tentar se disciplinar e fazer o máximo possível.

10 – Para motivação extra, eu vou visitar os perfis que postarem as hashtags do desafio #listenintgtododia #teacherrenata (pois é a única forma de encontra-los). Vou tentar fazer isso com a maior frequência possível e vou repostar alguns posts no meu perfil pois sabemos que quando temos apoio uns dos outros, conseguimos focar melhor nos nossos objetivos.

Espero que vocês curtam o desafio e que aprendam bastante. Compartilhem este texto com os amigos, colegas de escola, colegas de trabalho, com seu professor (e peça que ele divulgue também), pois a ideia é tentar ajudar cada vez mais pessoas a estudar!

Para saber de todas as novidades do nosso site, novos posts, novos desafios, cadastre-se na  nossa newsletter e receba um email sempre que postarmos algo novo!

0

tecnologiaTalvez você ainda não tenha percebido mas na verdade estamos iniciando um novo tempo e uma nova era como seres humanos.

O avanço das tecnologias e o uso intenso da internet estão modificando radicalmente a maneira como interagimos. Isso impacta a forma como recebemos informação e as possibilidades de aprendizado.Não só de uma língua mas de qualquer nova habilidade.

As pessoas hoje têm acesso a muito mais informações. E também podem trocar ideias sobre o que sabem e estão aprendendo instantaneamente. Vivemos uma era de mudanças. Mais que isso, uma mudança de era.

O digital hoje é algo comum. Não falamos mais “estou online” ou “estou offline”. O tempo todo a tendência é estar on e off ao mesmo tempo. Já não nos damos mais conta disso.O que precisamos fazer é nos adaptar e aproveitar ao máximo as ferramentas e os recursos que temos ao nosso alcance agora. Se você quer aprender rapidamente uma língua, esses novos tempos estão a seu favor:

A tecnologia turbinando o seu inglês:

Existem inúmeros apps à disposição. Basta buscar pela Apple Store ou o Google Play. No caso do inglês, melhor ainda porque esta é a língua universal que já é usada há muito tempo nos negócios e também como forma de entretenimento. Se o assunto é diversão, não faltam formas de se divertir e ao mesmo tempo dar uma polida no seu inglês:

  • Filmes em streaming, filmes em sites, seriados e vídeos no YouTube formam um conjunto de material super bacana e rico. Você pode escolher temas ou gêneros e encontrar uma quantidade absurda de filmes e documentários. No YouTube, estão os vídeos feitos por gente como a gente contando suas experiências e opiniões. E o que é melhor – você pode ter uma atitude ativa e postar também sua opinião e visão sobre o que acabou de assistir. Em inglês, claro.
  • Sua praia é música? Spotify, Pandora e Deezer são algumas das plataformas com as quais você pode baixar e ouvir todos os tipos de música. Literalmente todos. Bastam dois cliques.
  • Se você  estiver num mood (humor) diferente e preferir ouvir algo inovador, você tem a opção dos podcasts. Eles estão bombando e surgindo aos montes. Informando e deixando ainda mais antenadas as pessoas que já são bem informadas.
  • Por último, você ainda tem good old Skype como recurso para encontrar pessoas pelo mundo todo e conversar sobre assuntos de interesse mútuo.

A lista de alternativas não para por aqui. Mas esse já é um bom começo para você se mexer e iniciar seus estudos. Um bom professor aliado a todas essas opções vai transformar você numa pessoa que domina o inglês em muito menos tempo do que você imagina.

Have a go!!! Experimente e perceba você mesmo os resultados.

tecnologia

0

Como vocês que acompanham nosso trabalho com frequência já sabem, não é a primeira vez que falo da importância das séries no apoio ao aprendizado de inglês – lembram-se do COMO E PORQUE ASSISTIR SÉRIES EM INGLÊS?. São muitas as melhorias que elas podem trazer ao aprendizado e até mesmo podem ajudar a avançar mais rápido no idioma. Acontece que nem todo mundo sabe por onde começar. Alguns alunos sempre me perguntam se “pode assistir qualquer série”, se “tem algum tipo de série que seja mais recomendado”, e,até mesmo, me pedem sugestões de títulos. Pensando neles, e em vocês, é claro, eu escrevi este post.

Claro que o importante é manter contato com o idioma, mas se você está ainda buscando UMA SÉRIE PRA CHAMAR DE SUA, eu posso dar algumas dicas de como escolher uma série que ajude a atingir seus objetivos mais rapidamente. Tente escolher séries que obedeçam a alguns destes critérios:

  1. Séries que giram em torno de famílias ou grupos de amigos: estas séries costumam abordar assuntos bem comuns como trabalho, relacionamentos, viagens, idas a restaurantes, ou seja, tudo que uma pessoa normal precisa fazer (e falar).
  2. Comédias: as comédias, de forma geral, têm capítulos mais curtos que as séries de drama, duram em média 25 minutos, o que possibilita assistir a pelo menos UM EPISÓDIO POR DIA.
  3. Séries com mais de 3 temporadas: como a ideia é fazer uma atividade contínua, é interessante que a série tenha vários episódios, o suficiente para prender a atenção por alguns meses.
  4. Evitar séries com temáticas profissionais. Séries de médicos, de advogados, de policiais são ótimas para entretenimento, mas para quem ainda está nos níveis básicos do inglês, pode ser mais difícil de acompanhar devido aos termos técnicos de cada área profissional.

05 séries para você arrasar no inglês:

FRIENDS
10 temporadas 236 episódios

séries

Não tem como não colocar FRIENDS como a primeira da lista. É uma das séries mais populares dos Estados Unidos e unanimidade entre os English teachers do mundo inteiro.

Chandler, Joey, Mônica, Phoebe, Rachel e Ross formam um grupo de seis amigos que lutam para sobreviver e crescer profissionalmente em Manhattan. São abordados temas como família, trabalho, dinheiro, sexo e principalmente amor e amizade. As piadas são super inteligentes e as situações super engraçadas. No terceiro episódio, você já está viciado!

HOW I MET YOUR MOTHER
9 temporadas 208 episódios

SÉRIES de Tv

A série é narrada em 1ª pessoa por Ted Mosby, que no ano de 2030 começa a contar ao seu casal de filhos como conheceu a mãe deles. Para isso ele volta para 2005 e começa a contar todos seus desencontros profissionais e amorosos em Nova York. Além disso, Ted narra as aventuras dos seus amigos: o atrapalhado advogado Marshall Eriksen, a professora Lily Aldrin, a jornalista Robin Scherbatsky  e o mulherengo convicto Barney Stinson, que é com certeza o personagem mais legendário de todas as séries!!!

TWO AND A HALF MEN
11 temporadas 262 episódios

séries

Charlie é rico, solteiro e gasta seu tempo com bebidas e mulheres. Ele vivia muito bem em sua casa em Malibu até o dia em que o irmão Alan é expulso de casa pela ex-mulher e vai buscar abrigo na sua casa, levando consigo o filho Jake. Os conflitos de personalidade e o estilo de vida nada regrado de Charlie são apenas o começo das várias situações hilárias e inesquecíveis pelas quais os personagens vão passar.

MODERN FAMILY
Atualmente na 7ª temporada, já conta com 148 episódios.

séries

São três famílias: o patriarca Jay se casa com uma mulher que tem a metade da sua idade e com ela vem seu filho, Manny. Os dois filhos adultos de Jay têm as suas próprias famílias: a certinha Claire é casada com o corretor de imóveis canastrão Phil e têm três filhos de personalidades totalmente diferentes um do outro. Mitchel, o outro filho de Jay, é um advogado que mantem uma relação estável com Cameron e criam a filha adotiva Lily. Por tanta diversidade, são muitos encontros e desencontros, o que torna a série muito engraçada, mas também muito realista, refletindo situações corriqueiras da vida moderna.

THE MIDDLE
Atualmente na 7ª temporada, já conta com 148 episódios.

Séries

Esta comédia narra o cotidiano de uma família de classe média baixa de uma pequena cidade no estado de Indiana, que fica na região central dos Estados Unidos, daí o nome The Middle. A família é composta dos pais e três filhos: o mais velho Axl, o estereótipo de aluno fraco mas super popular na escola, a filha do meio Sue, que é super positiva e deslumbrada com tudo a seu redor e o mais novo Brick, que nasceu por descuido e tem tendências antissociais, vivendo com um livro na mão.  A vida com poucos recursos e as diferenças de personalidades rendem boas risadas nas mais diversas situações.

 

Como vocês podem ver, não faltam opções. E esses são apenas ALGUNS exemplos. Há séries que anda estão no ar e outras tantas que já foram canceladas. Há séries para todos os gostos, tipos de humor, temáticas, sotaques (sim, porque você também pode assistir às séries britânicas) e afinidades. Basta começar a procurar e criar o hábito de assistir e você vai ver que logo vai ficar “viciado” em alguma série, e super curioso(a) para saber o que vai acontecer no capítulo seguinte. O seu inglês agradece!

0

series

Assistir séries em inglês é, sem dúvida, uma das formas mais baratas e eficazes de se aprender inglês. Tenho certeza que algum professor já o aconselhou a fazer isso e se por algum motivo você ainda não entendeu o porquê de tanta insistência, está na hora de você entender as vantagens e melhoras que elas podem trazer. Vejamos:

NO GERAL

As séries podem ser consideradas uma forma de IMERSÃO no idioma, pois, aos poucos, você se acostuma a só ouvir em inglês e, sem perceber, começa a “pensar” também em inglês, de uma forma bem natural e principalmente divertida. Além disso, é bastante comum se acostumar com a personalidade de certos personagens a ponto de conseguirmos até mesmo antecipar o que vão dizer em determinadas cenas (e tudo em inglês, claro!).

VOCABULÁRIO

O vocabulário das séries é bem mais realista e atualizado que o vocabulário dos livros didáticos usados para estudar inglês. Os diálogos são mais parecidos com aqueles que gostaríamos de manter no dia a dia, ricos em expressões idiomáticas e gírias mais modernas. Expressões como “are you fucking kidding me?” (você tá de zoeira comigo?) dificilmente aparecerão no seu livro, e são suuuuuper comuns em séries (e na vida real).

LISTENING

A melhor forma de melhorar o seu listening é ouvindo inglês todos os dias. E nada melhor que ouvir o inglês real, falado em ritmo natural, com todas as junções de palavras que são comuns aos falantes nativos. Claro que no começo é meio difícil de entender, mas a insistência é que vai tornar a compreensão mais fácil.

PRONÚNCIA

Quanto mais você ouve inglês, melhor você pronuncia! Isto acontece porque você acostuma o ouvido com a pronúncia e entonação correta e tende a tentar imitar os seus atores favoritos. Quando você não ouve muito inglês, tem uma tendência a “aportuguesar” a pronúncia e fica aquela “fala pesada”, meio estranha e muitas vezes até incompreensível.

GRAMÁTICA

Se você entende as regras dos verbos mas não consegue lembrar na hora de falar, se tem dificuldades de se lembrar da preposição das palavras nas orações e se também se enrola todo(a) ao tentar lembrar o passado dos verbos irregulares… assistir séries também pode ajudá-lo com isso! Na língua portuguesa não “pensamos” antes de montar as frases porque ouvimos português todos os dias. O mesmo também pode acontecer com o inglês, desde que você se exponha ao idioma todos os dias.

 COMO ASSISTIR ÀS SÉRIES

Eu aconselho que, quem ainda é iniciante, escolha uma série e comece a assisti-la a partir do 1º episódio da 1ª temporada e faça uma sequência, assistindo a, pelo menos, um episódio todos os dias.  O efeito não será o mesmo se você assistir a quatro episódios em um dia e ficar uma semana sem assistir nada, pois, para fazer efeito, o que conta é a repetição e a constância.

Veja o roteiro que eu sugiro:

  1. Eu sugiro que o aluno comece assistindo toda a série com áudio em inglês e legenda em português. Sei que alguns alunos se espantam, mas isso é importante para que você entenda a estória e acostume o ouvido aos poucos.
  2. Ao terminar de assistir a todas as temporadas e a todos os episódios da série, comece a assistir novamente a mesma série, desta vez com áudio e legenda em inglês. Dessa forma, você já conhece a estória e vai tentar associa-lá ao que você lê e ao que você ouve em inglês.
  3. Por último, recomece a assistir tudo novamente, mas dessa vez, apenas com áudio em inglês e sem legenda. Como você já lembra da estória, o foco agora será no áudio e na pronúncia.

Em todos os casos, é interessante manter um caderninho para anotar as palavras novas e até mesmo dicas de pronúncia.

Como vocês viram, as vantagens de se assistir séries são muitas, sem falar que é superdivertido. Para quem não tem este hábito, vale a pena começar a cultiva-lo, pois séries ajudam não apenas na aquisição do idioma, mas também na manutenção do mesmo. E se você tem preguiça só de pensar em assistir a uma série, uma motivação extra para você: como professora, tenho observado que quem assiste séries TODOS OS DIAS consegue concluir os níveis bem mais rapidamente que alunos que não assistem ou assistem esporadicamente, encurtando assim o tempo necessário para chegar a tão sonhada fluência. Maravilha, não acha?

0

podcastsPodcasts são arquivos de áudios, geralmente com extensão MP3 publicados em sites ou apps nos quais é possível se “inscrever” e ser atualizado sempre que novos áudios forem adicionados. A expressão podcast é a combinação de POD (personal on demand) e broadcast (transmissão de rádio ou televisão). A forma mais simples de se inscrever nos podcasts é usando aplicativos específicos no seu celular, mas se você preferir, pode assinar o Rss feed.

Porque usar podcasts para aprender inglês?

A primeira e mais óbvia vantagem dos podcasts é melhorar o listening, porém há bem mais que isso, veja aqui algumas vantagens:

– a maioria dos podcasts são gratuitos;
– auxiliam a expandir seu vocabulário;
– te ajudam a internalizar regras gramaticais;
– melhoram a pronuncia, principalmente quando você ouve falantes nativos;
– há vários podcasts gratuitos;
– te ajudam a falar melhor (quanto mais você ouve, mais você se sente a vontade para falar);
– são curtos, interessantes e podem te ajudar a aumentar sua cultura geral;
– você pode ouvir na fila do banco, no engarrafamento, durante a caminhada, etc. ;
– eu já falei que são gratuitos?

Como os áudios costumam ser curtos, o ideal é que você consiga encaixar um podcast por dia na sua rotina, mas se não for possível, tente fazer isso pelo menos 03 vezes na semana. Ao ouvir um podcast pela 1ª vez ouça com atenção, faça anotações de tudo o que você entendeu, anote expressões novas, observe bastante a pronúncia e tente imaginar o que você falaria se também estivesse participando daquele dialogo (este é um ótimo exercício para pensar em inglês). Depois  de ouvir salve no seu celular, mp3/Ipod ou pendrive e ouça novamente nas horas vagas.

Para te ajudar a começar no mundo dos podcasts, eu vou sugerir dois sites que eu gosto e confio bastante. Os links para se inscrever nos podcasts também estão disponíveis. Ao clicar, lembre-se de escolher a plataforma do seu celular (iOS, Android ou Windows phone).

Sugestões de podcasts:

podcasts

Se você está no nível iniciante, uma boa sugestão é o Learn English Podcast , que traz 40 episódios de diálogos de fácil entendimento com os respectivos textos para acompanhar. Ao fim, você ainda tem algumas perguntas para avaliar a sua compreensão do áudio. E a melhor noticia, o app é gratuito.

podcasts

Para quem já tem alguma compreensão, de nível pré-intermediário adiante, um podcast muito bom é o BBC-6-minute English . Como o nome já diz, são áudios de 6 minutos que focam em tópicos do dia-a-dia e usam exemplos e explicações para ajuda-lo a entender expressões novas. Também está disponível gratuitamente.

Talvez no inicio, você não consiga entender tudo, e sinta uma certa dificuldade em continuar com os podcasts, mas eu sugiro que insista com a prática e aos poucos vai começar a perceber diferença na sua compreensão. Todo falante de não-nativo já passou pela experiência de não entender nada do que ouvia e o que fez mudar este quadro foi justamente a persistência de continuar se expondo ao idioma. Mantenha seu foco que você chega lá!

E você, já ouve algum podcast? Compartilha aqui nos comentários e ajude a outros colegas a também aprender.

0

inglês com música

Claro que não vou conseguir lembrar com certeza a primeira vez que ouvi uma música em inglês – acredito que foi ainda na infância e assistindo novela da Globo (sim, meu passado me condena…rs) –  mas posso afirmar que foi com música que descobri (inconscientemente) que eu iria crescer e trabalhar com inglês. Eu sempre fui muito curiosa e sem perceber, comecei a aprender inglês com música.  Vou explicar melhor: eu fui adolescente no começo da década de 90 e na época não havia Internet, CD era coisa de “gente rica” e vagalume era apenas um inseto que acendia…Então eu comprava umas revistas chamadas Bizz Letras Traduzidas e tentava “gravar” a música diretamente do rádio para praticar: eu ouvia, e tentava cantar junto para praticar pronúncia, eu traduzia a letra e depois “comparava” com a tradução da revista e por aí vai…era tudo meio intuitivo mesmo, tudo na base da curiosidade!

bizz1

 

Aprender inglês com música hoje é muito mais fácil, o inglês está literalmente nas suas mãos e pegar letras e traduções de músicas em inglês nunca foi tão rápido. Qualquer busca no Google com o nome ou apenas o trecho da música vai retornar zilhões de resultados e entre eles, um dos meus favoritos: o site Vagalume.

Porque ele é um dos meus favoritos?

Além de ter um acervo super abrangente (com músicas em vários idiomas) ele está sempre muito atualizado e além da letra da música, ele traz a tradução, o clipe e até mesmo uma atividade para te ajudar a estudar…Outro fator interessante é que é um site interativo, ou seja, você pode participar corrigindo as letras e as traduções que achar que estão erradas. Em resumo, vale muito a pena mesmo!

Como aprender inglês com música no Vagalume?

Para quem é iniciante, talvez tenha algumas dúvidas de como utiliza-lo e é agora que eu vou ajuda-lo. Tente seguir este passo-a-passo e só leia a tradução quando for sugerido (não tenha pressa, a tradução vai continuar lá).

STEP 01

Entre no site www.vagalume.com.br e digite o nome, artista ou trecho da música que você quer ouvir.

vagalume1

 

STEP 02

Ao encontrar a música que você quer, escute acompanhando a letra. Você pode ir selecionando com o mouse os trechos que forem sendo cantados, pois esta é uma boa forma de associar o que você está ou indo ao que está lendo.

vagalume2

STEP 03

Faça cópia (manual mesmo) da letra da música (na minha época, eu tinha um caderno que usava só pra isso). Enquanto faz a cópia deixe a música tocando para ir memorizando.

STEP 04

Leia a letra e tente traduzir (mesmo que apenas mentalmente). Se o seu nível de inglês for ainda muito iniciante, tente identificar palavras conhecidas.

STEP 05

Escute novamente. Desta vez concentre-se na pronúncia e faça anotações na “sua” cópia. Dê atenção especial as “junções” de sons, as sílabas tônicas e as palavras que não são pronunciadas.

Um exemplo de junção de som na música acima e no trecho que eu destaquei é a pronúncia de bond + you: a pronúncia fica “bondiú”.

STEP 06

Escute novamente pausando ao fim de cada frase e leia esta frase em voz alta. Tente imitar a pronúncia do cantor levando em conta todas as anotações de pronúncia que você fez no passo anterior.

STEP 07

Agora clique na palavra TRADUÇÃO. Faça uma leitura da música frase por frase comparando  a letra original com a tradução. Tente fazer comparações de palavras e expressões isoladas. Faça anotações de vocabulário novo no seu caderno para revisar depois.

inglês com música

 

 

STEP 08

Agora vamos testar se você conseguiu memorizar um pouquinho da letra da música e também se já consegue reconhecer as palavras que são cantadas. Volte para a LETRA da música, e clique na engrenagem ao lado da palavra LETRA. Selecione JOGAR COMPLETE.

vagalume4

 

STEP 09

A letra da música aparecerá com alguns espaços em branco e você deverá completar, lembrando que é apenas 01 palavra por espaço. Clique em PLAY para ouvir a música não no vídeo (pois o vídeo traz a letra da música na legenda) e tente completar. A cada vez que você atualizar a página os espaços mudam, então você pode fazer este passo mais de uma vez.

Vagalume Jogar Complete

Ao digitar a palavra, se a letra ficar verde é porque a palavra está correta, se ficar vermelha é porque está errada, e você pode tentar novamente. Ao final da atividade, você terá uma pontuação. Anote esta pontuação e faça a atividade novamente no dia seguinte e veja se consegue melhorar esta pontuação.

STEP 10

Finalmente, salve a música no seu celular ou pendrive, ou até mesmo em um CD, o importante é ouvi-la com frequência, aproveitando para cantar junto sempre que possível. Faça isso com músicas diferentes e vá criando um “setlist” personalizado para a prática de inglês. Eu sugiro aos meus alunos que estudem 01 música por semana usando o Vagalume, pois a atividade é rápida e dá pra fazer um pouquinho por dia.

Estas são apenas algumas idéias que podemos usar com o site Vagalume. É possível que com o uso, você venha a desenvolver as suas próprias estratégias. O importante é manter o máximo de contato com música, de preferência todos os dias, pois você só conseguirá notar evolução se desenvolver o hábito de manter contato com o inglês e nada melhor que a música para ajudá-lo nesta tarefa.

Se você tiver alguma outra idéia para usar com o site Vagalume ou alguma idéia de como estudar ou melhorar seu inglês com música, compartilha com a gente nos comentários e se você gostou do post, compartilhe com seus amigos através das redes sociais, assim você nos ajuda e ajuda aos amigos a também praticar mais inglês!

 

2

15 minutos para aprender iinglês

Sendo professora há mais de 15 anos e tendo dedicado os meus últimos 5 anos a atender apenas ao público adulto, é claro para mim que as rotinas estão cada vez mais apertadas e que a “falta de tempo” tem sido um dos principais obstáculos para que as pessoas aprendam inglês. Porém, acredito que com planejamento e foco sempre conseguimos driblar os obstáculos e tento sempre ensinar aos meus alunos que conseguimos sim aprender inglês, mesmo que só possamos nos dedicar 15 minutos por dia.

Dia desses, lendo este artigo da Thais Godinho (blog Vida Organizada) sobre como acabar com a tralha em apenas 15 minutos, pensei que seria uma boa adaptar a ideia para a realidade daqueles que precisam aprender inglês mas não tem tempo. Sugiro que leiam o artigo da Thais para entender melhor a ideia, que é bem simples: trata-se apenas de estabelecer uma rotina diária de apenas 15 minutos para se dedicar a algo (no nosso caso, aprender inglês).

20 Atividades para aprender inglês em apenas 15 minutos:

1. Praticar gramática, mesmo que seja apenas 01 ou 02 questões.

2. Assistir vídeos de um minuto no site English in a minute.

3. Ouvir a mesma música várias vezes e tentar entender a letra anotando expressões e palavras.

4. Ouvir música e acompanhar a letra no site Vagalume.

5. Ouvir música e tentar completar a letra no Lyrics Training.

6. Assistir 1 ou 2 vídeos da série da BBC 6-minute-English.

7. Praticar escrita no site One Word, este site te dá uma palavra diferente a cada dia para que você escreva o que vier a cabeça porém apenas durante um minuto. Não pense, apenas escreva!

8. Ouvir podcasts, baixe podcasts com frequência e sempre que tiver um tempinho ouça com atenção. Alguns sites com podcasts são: BBC Podcast, ESL POD, CHINA 232 e Real Life.

9. Assistir vídeos no EngVid.

10. Escreva um parágrafo em inglês contando como foi o seu dia anterior(como um diário).

11. Praticar gramática online. Sites como English Page ou English-Hilfen trazem várias atividades online mas há vários outros sites com esta finalidade.

12. Ler um artigo curto de alguma revista online sobre um tema de seu interesse, ou um trecho de um livro de inglês adaptado.

13. Assista uma palestra do site Ted.com. Há palestras de vários temas e durações diferentes, escolha uma que seja interessante para você.

14. Se o seu livro de estudo tem um Cd-Rom ou um site com atividades, aproveite estes 15 minutos para coloca-los em dia.

15. Mantenha um caderno de vocabulário e anote expressões novas sempre que aprendê-las. Use estes 15 minutos para criar frases com as palavras que você aprendeu.

16. Siga páginas no Facebook ou perfis no Instagram que dão dicas de inglês (como o @teacherrenata) e anote novas expressões no seu caderninho.

17. Re-assista séries (ou seja, episódios que você já viu) e aproveite para fazer anotações de vocabulário. Em 15 minutos você verá apenas metade do episódio, a outra metade você assistirá no seu próximo intervalo de 15 minutos.

18. Baixe algum app de aprendizado de inglês no seu celular, como o Duolingo, Busuu, Babbel e Lingua Leo, entre outros.

19. Ouça novamente algum listening que você ouviu na aula e achou complicado. Se necessário, leia o audioscript.

20. Pratique pronúncia gravando a própria voz e comparando com a pronúncia do dicionário. Para isso, use o aplicativo de gravação de voz do seu celular e algum bom dicionário online como o Cambridge Dictionary.

21. Grave a si mesmo respondendo perguntas. Em alguns sites como o Conversation Starters é possível achar perguntas dos mais diferentes tipos e graus de complexidade. Você pode pensar na sua resposta antes de gravar e também pesquisar o vocabulário que não souber. Use o gravador do seu smartphone para gravar respostas de 30s a 1 minuto dependendo do grau de complexidade da pergunta.

O importante é que estes 15 minutos virem rotina, então, tentem organizar a agenda de vocês de forma a estabelecer este intervalo de 15 minutos todos os dias e alternem as sugestões acima para não ficar repetitivo e para ampliar as habilidades praticadas. Se planejem com antecedência, tendo acesso a esta lista e aos materiais necessários em todos os lugares para evitar que caiam na desculpa de “não ter o material com você”. Lembrem-se: “a desculpa de hoje vira o hábito de amanhã”. Mantenham o foco, insistam e o resultado virá!

Se você tiver alguma sugestão de alguma outra atividade que pode ser feita em 15minutos ou se apenas não entendeu como por em prática alguma delas ou tiver qualquer outra sugestão, não deixe de compartilhar conosco. E se gostou do artigo, divulgue com os seus amigos e siga as nossas redes sociais!

1

fluentemente

Você entende inglês e não consegue falar? Quando participa de reuniões em inglês, você faz anotações, consegue entender (pelo menos de forma geral) mas dá um “branco” na hora de ter que expressar a sua opinião? Não se preocupe! Você não está sozinho! MAS SE… você acha que já fez de tudo (tudo mesmo) e ainda não consegue falar fluentemente,  eu vou pedir pra você se perguntar: “Será mesmo que já fez tudo? Leia estas 10 dicas e avalie se você realmente está no caminho certo ou se está apenas se deixando enganar. Caso esteja, continue e insista!!! Caso contrário, esta é a hora de aprender bons hábitos que vão te ajudar a chegar a quebrar este “medo” da hora de falar.

 

1) Entenda e aceite que não há “formula mágica” para falar fluentemente.

Isto quer dizer que NÃO há fórmulas secretas ou super eficientes que possam garantir fluência rapidamente. Há metodologias diferentes e algumas são melhores que outras (por exemplo, praticar diálogos verdadeiros e usar a língua com frequência ao invés de apenas memorizar regras gramaticais).

No entanto, tornar-se fluente em inglês – ou qualquer outro idioma – é um processo de longa duração.

 

 2) Use inglês no seu dia-a-dia o máximo possível.

Mesmo que você não more em um país de língua inglesa, há vários modos de se fazer isso!

  • Ouça inglês enquanto você dirige para o trabalho.
  • Leia notícias online em inglês ao invés de em sua língua nativa.
  • Pratique pensar em inglês enquanto você está fazendo trabalhos domésticos ou se exercitando.
  • Leia artigos, ouça podcasts e assista vídeos em inglês a respeito de temas que você gosta (isto é muito importante, pois você terá muito mais sucesso se você se divertir durante o processo).

 

3) Equilibre as áreas de aprendizado da língua

Reading (leitura)
Writing (escrita)
Speaking (fala)
Grammar (gramática)
Vocabulary (vocabulário)

Muitos alunos erram ao concentrar-se muito em apenas uma ou duas áreas, o que os torna fracos nas demais. Uma dica é dedicar um dia por semana para estudar e praticar cada área, uma vez que elas estão interligadas. Por exemplo: ao estudar “reading” você está automaticamente absorvendo gramática e vocabulário, o que vai te ajudar a pensar em inglês e por consequência, falar fluentemente.

 

4) Encontre um parceiro de conversação fixo através de um site de “prática de conversação”.

 

fluentemente

 

Se você não tem com quem praticar inglês fora de sala de aula, ou se sente envergonhado de praticar com amigos e parentes, que tal conversar com desconhecidos? Existe alguns sites que reúnem pessoas com o mesmo propósito que o seu: italki.comverbling.comsharedtalk.org,  e outros, você pode conhecer falantes nativos de inglês que querem aprender a sua língua nativa – desta forma, vocês podem ajudar um ao outro a aprender e praticar. Tente falar com o seu parceiro pelo menos uma vez por semana.

 

 5) Leia, assista e ouça inglês em vários contextos diferentes.

Se você assiste apenas programas de notícias em inglês, você será capaz de entender um estilo de inglês mais formal, mas terá dificuldade em entender um diálogo típico entre dois falantes nativos, que é geralmente cheio de gírias e expressões idiomáticas.

Por outro lado, se você assiste só filmes e ouve músicas em inglês, talvez você não seja capaz de entender (ou escrever) um artigo acadêmico ou um relatório profissional. Se você precisar de inglês para o trabalho, aí será dífícil conversar sobre outros assuntos porque você não terá o vocabulário necessário.

Assim, tente ao máximo diversificar o seu contato com inglês: ficção e não ficção, formal e informal, palestras e diálogos, assuntos sérios e comédia, etc.

 

6) Aprenda a pensar em inglês.

fluentemente

 

Este é um dos verdadeiros segredos para atingir a fluência em inglês: como aprender (ou como se acostumar)a pensar em inglês.

Há um passo-a-passo que você pode seguir – primeiro, comece a pensar em palavras isoladas em inglês, depois comece a pensar em frases em inglês e finalmente imagine diálogos inteiros e estórias em inglês.

Esta é uma das melhores formas de praticar inglês, porque se você cometer um erro, ninguém saberá.

 

7) Use palavras novas ao falar – seja criativo!

Um dos maiores obstáculos para a fluência de inglês são a ausência de vocabulário e as consequentes pausas e hesitações. Isto geralmente ocorre porque você tem uma ideia mas não é capaz de expressá-la em inglês, o que pode ser bastante frustrante. Portanto, se você não sabe uma palavra em particular, tente pensar em um modo alternativo de expressar a sua ideia.

Veja o exemplo: em um dialogo sobre culinária, meu aluno não sabia a palavra em inglês para cebola (onion), e ao invés disso ele falou “the white vegetable that when you cut it you cry” (o vegetal branco que ao cortar você chora) – foi uma descrição perfeita, e eu entendi exatamente o que ele quis dizer!

O mesmo vale para frases em inglês. As vezes você quer falar algo de um certo modo porque você está traduzindo diretamente da sua língua nativa, mas você não sabe como construir a frase em inglês. Claro que aprender a pensar em inglês vai ajuda-lo a evitar este problema, mas também tente ser mais flexível e pense em maneiras diferentes de transmitir a mesma mensagem. Os falantes nativos também tem mais de uma forma de dizer a mesma coisa – observe, por exemplo, as diferentes formas de se dizer “hello” e “goodbye” em inglês.


8) Que tal falar sozinho?

Esta é uma forma realmente EXCELLENTE para desenvolver a fluência e aumentar a sua autoconfiança. Não há pressão para soar perfeito e ninguém mais irá ouvir os seus erros.

Para ideias de conversação, vá neste site e escolha um tópico. Depois pratique responder estas perguntas conversando com você mesmo em voz alta.

 

 9) Não pense tanto na gramática e não se preocupe com erros.

Um dos maiores bloqueios mentais para estudantes de inglês é ficar nervoso ou com medo de cometer um erro – ou ter vergonha se não falar perfeitamente. Lembre-se: comunicação é MUITO mais importante que a perfeição.

Veja este exemplo: imagine que alguém diz  “Yesterday I go to party in beach.”

A frase está incorreta, o correto seria “Yesterday I went to a party on the beach.”

Porém, mesmo com os erros, a frase transmite a mensagem completamente!

Claro que com o tempo você vai começar a corrigir os seus próprios erros – mas para diálogos do dia a dia, relaxe e lembre-se que erros não são fatais, o importante é se comunicar.

 

 10) Nunca desista … não pare de aprender!speak

Eu já tive vários alunos que estudaram por poucos anos, e depois param…depois começam de novo, depois param por um longo tempo, e então recomeçam…talvez você,

Inconscientemente, já tenha feito isso. O problema é que gera um efeito sanfona, e você perde o progresso que tinha feito anteriormente e para se tornar realmente fluente é preciso de mais tempo.

A boa noticia é que não é necessário ser gênio para falar fluentemente em inglês – você só precisa de disciplina para se dedicar e praticar de forma consistente…se você fizer isso, você irá com certeza atingir o seu objetivo.

 Texto original: Espresso English, autoria Teacher Shayna Oliveira

Traduzido por: Teacher Renata Gazola

2

Entre as várias formas gratuitas de se aprender inglês (ler blogs, ouvir música, assistir filmes…)  os vídeos educacionais são uma ferramenta muito interessante, pois além do listening, contam com estímulos visuais que ajudam a compreensão. Os vídeos são geralmente curtos, bem produzidos e com uma linguagem visual bem atraente. Com duração média de 5 minutos, não há mais desculpas para não ter contato com o idioma pelo menos UMA vez por dia! Aqui, eu listei os 10 canais do Youtube mais interessantes e estão ordenados pelo número de exibições do canal.

1. Mr. Duncan
Exibições do canal: 39.084.690
Criação do canal: October 31, 2006
Inscritos: 86980

The World of English é um canal mantido pelo professor britânico Mr. Duncan, que já trabalhou na China por 4 anos como professor de inglês  focando suas aulas na habilidade oral. Seus vídeos são bem produzidos e dispõem de legendas, facilitando a compreensão.

2. JenniferESL 
Exibições do canal: 30.208.040
Criação do canal: 14 de julho de 2007
Inscritos: 86532

Mantido pela professora americana Jennifer com vídeos que abrangem vocabulário, gramática e pronúncia. Os videos também tem legenda.

3. VOA Learning English
Exibições do canal: 18.544.326
Criação do canal: 19 de agosto de 2009
Inscritos: 39604

Os vídeos são falados em VOA Special English, ou seja, Voices of American English, que é lido 30% mais lento que o inglês comum. Além do canal, há o site www.voaspecialenglish.com com textos e quizzes para testar o seu inglês.

4. Bbclearningenglish

Exibições do canal: 12.851.913
Criação do canal: 17 de junho de 2008
Inscritos: 27080

A BBC já mantem o site BBC learn English (http://www.bbc.co.uk/worldservice/learningenglish/) dentro do portal BBC com uma vasta gama de opções para quem quer aprender inglês. O canal é uma extensão do site, com vídeos na novelinha The Flatmates, além de vídeos de expressões idiomáticas, pronúncia e a série Express English, videos com menos de 1minuto para galera que não tem tempo.

5. EF PodEnglish
Exibições do canal: 11.249.057
Criação do canal: 25 de janeiro de 2007
Inscritos: 29242 Canal com aulas bem estruturadas e divididas em listas de produção de acordo com o nível do aluno. Canal mantido pela empresa de intercambio EF.

6. Learn English with Steve Ford
Exibições do canal: 8.567.436
Criação do canal: 25 de outubro de 2007
Inscritos: 27118

Canal do professor canadense Steve Ford, que além da vasta experiência como professor de inglês, já morou no Brasil e é fluente em português.  Também mantém um site através do qual é possível contratar aulas particulares online com ele.

7. Real English
Exibições do canal: 7.930.264
Criação do canal: 28 de janeiro de 2008
Inscritos: 17147

A proposta do canal é mostrar o inglês real, ou seja, o inglês das ruas. Os vídeos são gravados nas ruas, entrevistando pessoas aleatoriamente  sobre os mais diversos temas e com os mais diversos sotaques. Esta diversidade vai de encontro a atual necessidade de aprender inglês como uma língua franca, ou seja, para se comunicar com pessoas de qualquer nacionalidade, nativas ou não nativas.

8. The Daily English Show
Exibições do canal: 7.762.753
Criação do canal: 05 de abril de 2006
Inscritos: 15344

Canal apresentado pela Sarah, uma neozelandesa. O diferencial é que os vídeos eram diários, mas infelizmente a última atualização foi em novembro do ano passado. Mesmo assim, o canal conta com o acervo de 1392 vídeos e com possibilidade de ler os scripts no blog http://thedailyenglishshow.blogspot.com.br/

9. Business English Videos for ESL
Exibições do canal: 4.259.350
Criação do canal: 16 de janeiro de 2007
Inscritos: 13977

Canal especializado em Inglês para Negócios, com vídeos focando em vocabulário e outros em produção escrita. Também tem um site: http://www.businessenglishpod.com/

10. EngVid

O EngVid é na verdade um site que reúne 8 professores de inglês que gravam vídeos em formato de aula, usando a clássica combinação quadro branco e pincel. Os 8 professores cobrem mais de 10 tópicos diferentes e os níveis são divididos em iniciante – intermediário e avançado. Após assistir o vídeo, o aluno ainda pode responder a um quiz no próprio site, avaliando a sua compreensão. No Youtube há canais especificos para cada professor, por isso achei injusto posta-los aqui.

That’s it, guys! Agora é com vocês, escolham seu canal favorito, se inscrevam e assistam diariamente!

ps.: post inspirado neste aqui: Free Nuts

11