zero

 

Há algumas situações na vida nas quais precisamos pensar em alternativas para algo que estamos vivendo ou fazendo. Estas alternativas são as vezes possíveis e as vezes bastante improváveis, mas seja como for, as vezes precisamos considera-las. E você sabe como expressar estas alternativas em inglês? Se não, vem comigo que vou te ajudar: estas alternativas são chamadas de CONDICIONAIS,  e elas servem para expressar todas as hipóteses e alternativas que consideramos a respeito de algo, ou seja, elas a existência do “e se…”.

As condicionais são frases criadas para determinar situações que não aconteceram (nem necessariamente vão acontecer) mas que devem ser consideradas. Estas situações vamos chamar de CONDIÇÕES e vamos concordar que para cada uma destas CONDIÇÕES teremos um possível RESULTADO. Assim, se não há condição, não há resultado.

Todas as condições em inglês são introduzidas pela palavra “IF”, e por isso, ela também é conhecida como IF-clause.

Há quatro tipos de condicionais em inglês (sim, quatro!) e cada uma delas corresponde a um tipo de “se”, ou seja, a um tipo de combinação condição+resultado. Hoje vamos estudar a ZERO CONDITIONAL.

A ZERO CONDITIONAL é a condicional do “curioso”, daquela pessoa que quer saber o que acontece caso ele toque naquela panela que sua mãe tanto lhe avisou para não tocar. É também a do “sempre” pois sempre que a condição acontece, o resultado é mesmo. Ela descreve resultados tão regulares que funcionam como regras, ordens ou até mesmo verdades universais.

 

A estrutura da ZERO CONDITIONAL:

As orações são formadas de duas “clauses”, uma com a condição e a outra com o resultado. As duas “clauses” aparecem no PRESENTE SIMPLES, o que faz muito sentido, pois este é o tempo verbal que fala de rotina e de “verdades absolutas”.

Observe:

zero

 

Veja os exemplos:

If you put water in the freezer, it becomes ice. (Se você colocar água no refrigerador, ela vira gelo).

If someone removes this brick, the table falls. (Se alguém remover este tijolo, a mesa cai.).

If babies are hungry of thirsty, they cry. (Se bebês sentem fome, eles choram.)

If something happens, I call you. (Se algo acontecer, eu ligo para você.)

If I arrive late for work, my boss calls me in his office. (Se  eu chego atrasado para o trabalho, meu chefe me chama no seu escritório.)

If she doesn’t give a lift, I don’t go to the gym. (Se ela não me dá carona, eu não vou para a academia).

 

Também é possível “inverter” as ordens das frases, sem haver problemas no sentido das  mesmas. A estrutura continua sendo igual. Ou seja, a “if-clause” pode ser deslocada para o fim da oração e a “main clause” pode vir primeiro.

 

zero

 

Dogs bark if they see cats. (Cachorros latem se eles virem gatos)

People die if they don’t eat. (As pessoas morrem se elas não comerem)

My husband gets really angry if I don’t let him play vídeo game. (Meu marido fica com raiva se eu não deixar que ele jogue video-game).

I arrive home late if I miss the 8 o’clock train. (Eu chego em casa tarde se eu perco o trem das 8 horas.)

The river gets dry fast if it doesn’t rain regularly. (O rio seca rapidamente se não chove regularmente)

Como vocês podem perceber, a ZERO CONDITIONAL é super simples, é apenas a combinação de duas frases no presente simples, nas quais uma é “resultado” da outra. Tenho certeza que se você olhar ao seu redor, vai ver um monte de exemplos de coisas que “só acontecem se outra coisa acontece também”, e estas são as situações nas quais você pode usar a ZERO CONDITIONAL.

Se você quiser testar seus conhecimentos, eu anexei um exercício. É só clicar com o botão direito do mouse e “salvar como”.

Zero conditional EXERCISE

Espero que tenham entendido e que tenham gostado. Se tiver ficado alguma dúvida ou sugestão para algum post futuro, só deixar nos comentários. Não esqueça também de nos seguir nas nossas redes sociais e de compartilhar o conhecimento com seus amigos.

0

O futuro em inglês pode ser expressado de várias formas: will, going to, present continuous, present simple, future perfect etc…

Para não confundir, vou dividir esse post em partes e nesta 1a parte vou falar do futuro com Will / Shall

Quando usar?

  • Para decisões instantâneas, ou seja, algo que você decidiu que vai fazer na hora que está falando;

Ex:   A – Do you know today it’s Juliana’s birthday?

B – Really? I didn’t know. I‘ll call her right away.

A – Você sabia que hoje é o aniversário da Juliana?

B – Sério? Eu não sabia. Vou ligar pra ela agora mesmo.

  • Promesas

Ex: I won’t tell anybody your secret, trust me!

Não vou contar o seu segredo a ninguém, pode confiar!

  • Oferecer ou sugerir algo a alguém.

Ex: Shall I turn off the air conditioner?

Você quer que eu desligue o ar condicionado?

  • Previsões (onde não há indício do que vai acontecer).

Ex: I believe Manchester United will win the next UEFA Champions League.

Eu acredito que o Manchester United vai vencer a próxima Liga dos Campeões da UEFA.

Como usar?

O will  é um auxiliar que deve vir antes do verbo principal sem altera-lo. Além dele, temos o shall, que é mais comum para as ofertas e sugestões.

Observe:

AFFIRMATIVE NEGATIVE INTERROGATIVE
I promise I will pay more attention to the teacher. I won’t forget to do my homework anymore. Shall I close the window for you?

Lembre-se:

* Use shall (e não Will) com I ou We  para oferecer algo a alguém ou para sugerir, só na forma interrogativa.

Para relembrar o passado simples, clique aqui.

Para relembrar o presente simples, clique aqui.

Para divulgar para os seus amigos clique no sinal de mais ao lado de Share e selecione a sua rede social.

Obrigada!

0

I've had my hair cut!

Hoje finalmente cortei o cabelo… na verdade eu não cortei, eu pedi que a cabeleireira cortasse mas em inglês, como eu digo? I cut my hair??

Para isso, temos a expressão “have something done” que é necessária queremos dizer que contratamos/pedimos que alguém faça algo para nós, em geral serviços que não conseguimos fazer por conta própria.
Observe a diferença:

A . Viviane repaired her notebook.

Viviane consertou seu notebook. (Ela mesma fez o serviço)

B. Viviane had her notebook repaired.

Viviane teve seu notebook consertado ou Consertaram o notebook da Viviane. (Ela contratou/pediu que algum consertasse o notebook para ela).

A construção consiste no uso de have + object + past participle e pode ser usada em qualquer tempo verbal. Observe o quadro:

have object past participle
Jean

Kelly and João

Juliana

has

are going to have

didn’t have

his hair

their house

her ears

cut

painted

pierced

once a month.

this weekend.

as a child.

Exemplos:

Marianne had her car washed.

Marianne teve seu carro lavado ou Lavaram o carro da Marianne.

Andréia had her nails done.

Andréia teve suas unhas feitas.

A expressão “get something done” pode substituir “have something done” no inglês falado.

Exemplo:

Hebert gets a newspaper delivered to his apartment everyday.

Hebert recebe jornal no seu apartamento todos os dias.

É isso aí!

Take care!


13

Present Continuous

Usos:

1 . Descrever ações que acontecem no momento da fala, em geral essas frases vem acompanhadas das expressões “now” ou “at the moment”.

Ex: Im cleaning my bedroom now.

Estou limpando meu quarto agora.

2. Descrever ações/estados temporários no presente.

Ex: I live in Maringá but I‘m spending a few days in my aunt’s home in Cascavel.

Eu moro em Maringá mas estou passando uns dias na casa da minha tia em Cascavel.

3. Descrever ações que se repetem com muita frequência.

Ex: I feel sad about her because she‘s making the same mistake again!

Fico triste por ela porque ela está cometendo o mesmo erro novamente! Continue lendo…

2

Anteriormente expliquei aqui o presente simples , para dar sequência aos tempos “simples” vou explicar o passado simples .
Como o nome sugere, ele serve para falar de algo que aconteceu no passado, mas como linguagem não é uma ciência exata, há algumas nuances que são importantes ser ressaltadas. Leia nos usos a seguir:

Usos:

Continue lendo…

0

Para quem tem português como 1a língua é normal dizer que

“Tem um carro em frente a escola”

nesse caso, o “tem” assume sentido de existir. Continue lendo…

0

VOZ PASSIVA

Percebo que os livros dão muita ênfase ao aprendizado de tempos verbais e esquecem que tão importante quanto saber usar os verbos é saber parafrasear o que queremos dizer de acordo com a situação. Uma das formas mais comuns de parafrasear é transformar a chamada voz ativa em voz passiva. E o que vem a ser estas duas? Continue lendo…

0

presente simplesé um dos primeiros tempos verbais que aprendemos num curso de inglês, isso porque ele é usado para descrever fatos e rotinas que fazem parte da vida de  cada pessoa, e essa é justamente uma das funções básicas da comunicação em um segundo idioma: dizer quem somos. Continue lendo…

12

Em português, usamos o verbo ter para falar que existe alguma coisa. Por exemplo, falamos “Tem um carro em frente a minha casa” ou “Tem muita comida na geladeira”, na verdade, queremos dizer que “há” ou que “existe” mas no dia-a-dia o verbo “ter” dá conta do recado. Continue lendo…

40